Você Sabia que Cabelos Fracos e Quebradiços Podem Ser Sinal da Falta de Saúde Capilar?


Há quem diga que cabelos brilhosos, sedosos e macios são reflexos apenas dos cuidados e da vaidade do dia-a-dia. Mas a aparência dos fios revela muito mais que beleza, ela reflete também a saúde do cabelo. Por este motivo, nesta terceira e ultima matéria da nossa série sobre saúde, conversaremos sobre os problemas que podem acontecer nos fios de cabelo, já que aquela hidratação ou misturinha pode até resolver alguns dos problemas, mas alguns casos são mais sérios e necessitam de ajuda médica.


Então, se você tem notado seus fios fracos, quebradiços e sem vida, senta ai porque nós precisamos conversar! Alterações na saúde dos fios podem gerar grandes transtornos, então vamos lhe apresentar as mais comuns, ok?


1 - Tricorrexis Nodosa



Apesar do nome difícil, podemos simplificar esta doença definindo-a como “quebra do cabelo”. É uma doença bastante visível, já que causa nós esbranquiçados ao longo dos fios. Estes nós são formados devido à separação parcial das fibras internas do córtex e provocam o rompimento da parte mais externa dos fios, a cutícula. Apesar de ser uma doença congênita (quando a desgraça vem de berço), costuma se apresentar após traumas físicos sofridos pelo cabelo, como sol, escovação, shampoos inadequados, mar, piscina, chapinhas, secadores ou químicos, como colorações e progressivas.


Sintomas: Além dos pontinhos brancos nos fios, o cabelo apresenta aspecto seco e danificado, se quebrando facilmente. Por conta disso, demoram muito a aparentar crescimento, já que a quebra constante não os permite crescer como deveriam.


O que fazer? Sentar e chorar é um ótima opção, já que a doença não tem tratamento efetivo e a única solução para acabar com ela é cortando os fios para retirar toda a parte danificada. . Mas como o drama não vai ajudar muito, recomenda-se a utilização uma boa hidratação e a eliminação dos traumas físicos e químicos que ajudam a desenvolver a doença.


2 - TRICOPTILOSE


Esta gracinha é a pedra no sapato na vida das mulheres, já que todas nós já passamos por isso. Popularmente conhecida como pontas duplas, esta condição se caracteriza por apresentar cabelos frágeis, quebradiços e bifurcado, geralmente nas pontas. Pode ser gerada pelo uso de produtos químicos, exposição a temperaturas muito altas (através do secador, prancha e até do banho quente), shampoos muito agressivos, lavagens muito frequentes e falta de hidratação ou de nutrientes.


Sintomas: Pontas bipartidas ao longo da haste ou no final dos fios.


O que fazer? Em primeiro lugar, é necessário cortar a parte dos fios afeta pelo problema. Caso as pontas duplas se apresentem em camadas diferentes do cabelo, recomendamos o uso da escova de corte bordado, muito eficaz nestes casos. Além disso, é importante eliminar as causas e realizar uma hidratação e nutrição dos fios (fazer um cronograma capilar é uma ótima pedida).


3 – PILI TORTI


De todas as doenças apresentadas, é a mais complexa, já que provoca torções no fio de cabelo em torno do eixo, como em espirais, geralmente próximos ao couro cabeludo. É associado a cabelos finos e claros, e geralmente se manifesta em crianças até os seis anos de idade. É uma alteração rara dos fios e pode estar associada a doenças congênitas e hereditárias, ou pode ser adquirida em processos inflamatórios do couro cabeludo, alopecias cicatriciais, alopecias traumáticas, transplante de cabelos, anorexia nervosa.


Sintomas: Geralmente apresenta-se através de um cabelo curto e frágil, cujos fios apresentam diversas porções ao longo da haste (geralmente de 5 a 6 torções em intervalos pequenos) quando examinados em microscópio.


O que fazer? É essencial buscar ajuda médica, já que esta condição pode ser um sinal a partir de um de uma série de outros problemas médicos em adição à doença de Menkes. Quanto ao tratamento, o médico irá normalmente desencorajam qualquer situação que pode causar danos ao cabelo.


4 - Triconodose



Por fim, falaremos de uma condição que acontece com todo mundo e é geralmente subestimada, considerada como um fato normal e corriqueiro. A Triconodose, também conhecida como "nozinho de fada", é caracterizada por pequenos nós que surgem em um ou mais fios, facilitando a quebra e o rompimento da fibra nestes locais. É uma condição bastante comum às cacheadas, mas que pelo menos uma vez na vida já incomodou a todas nós. Geralmente causada por ações mecânicas, como o movimento de fricção de pentes, escovas e pelo ato de coçar a cabeça.


Sintomas: Nós em um fio ou vários fios.


O que fazer? Evitar os movimento de fricção que causam os nós é o primeiro passo. Em segundo lugar, é importante cuidar dos fios para que eles se tornem emolientes e maleáveis, a fim de que não seja tão fácil os nós acontecerem, evitando assim a quebra da fibra. Para isso, além de cremes para utilização, utilize finalizadores e óleos vegetais que ajudem a cuidar dos fios.


Estas são apenas algumas das Genodermatoses (alterações da pele ou de seus anexos, congênitas, hereditárias ou não) que mais acontecem no dia-a-dia. Ainda existem muitas outras que são mais raras, porém que podem acontecer com você. Por isso, busque sempre informações e acompanhamento médico ao sinal de qualquer alteração na sua saúde, até mesmo na saúde do seu cabelo. E, para continuar sempre lida, conte com a Absolute Cosméticos para se cuidar todos os dias!